segunda-feira, 2 de novembro de 2009



SUAS MÃOS...MINHAS MARCAS
Essas mãos que me afagaram a alma com tanta doçura,que se estenderam gentis e tranqüilas pelas palavras,passeando, vagando, como que perdidas, disseram tanto e deixaram tantas marcas...Essas mãos que por horas infindáveisse moveram neste teclado,passando pensamentos, contando sentimentosde tudo e de todos,falando dos sonhos, das delícias da vida,das mazelas passadas, dos anos vividos...Essas mãos cantavam alegriaquando as canções surgiam lindas, escolhidas "a dedo"...Ouvidas e cantaroladas por nós.Essas mãos que à vezes voavame num gemer de prazer, soltavam palavras erradase nos traziam, no olhar, o sorriso, na tela, um _desculpe, foi sem querer...Essas mãos se livraram... Tomaram outro rumo,foram buscar um outro destinoe todos os sons... se calaram...Essas mãosme deixaram a certeza de serem lindas e supremas,mas também livres e guerreiras no seu ir e vir.E mesmo agora, em outro caminho,pedaços de mim elas levam consigo,só restando a saudade do teclado calando,da tela se apagando... das vidas expostas...dos sentimentos voando...Mãos que segurarampedaços da minha vida... Deixaram saudade, muita saudade... e marcas em mim.

video

O Amanhecer



O Amanhecer

Olhe o dia amanhecendo e você vai sentir que, em quase tudo, há anjos tecendo o alvorecer.Uns são raios de sol que vêm descendo,para iluminar o que de bom a gente sonha fazer.Outros são canções suaves que quando em silêncio, a gente ouve em toda fonte que jorra, em cada onda que bate,em cada sopro de vento, em cada silvo selvagem,em cada bicho que corre, em cada flor ao nascer.Eles são fontes de energia e proteção, presentes em seus planos, desejos, vontades,em tudo o que o amanhecer inspira.Só que é preciso fechar os olhos para ver, e ouvir o coração dizendo que a gente é como gota d'água, nesse mar imenso do universo, com o poder infinito de transformar o que é invisível em cores do arco-íris.Acredite.Cada manhã dá luz a um novo dia, mas é você quem faz nascer a alegria..

video