quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Sonho Impossível

Conta a lenda que uma jovem mariposa de corpo frágil e alma
sensível voava ao sabor do vento certa tarde, quando viu uma estrela
muito brilhante e se apaixonou.
Voltou imediatamente para casa, louca para contar à mãe que
havia descoberto o que era o amor, mas a mãe lhe disse friamente:
- Que bobagem! As estrelas não foram feitas para que as
mariposas possam voar em torno delas. Procure um poste ou um abajur e
se apaixone por algo assim; para isso nós fomos criadas.
Decepcionada, a mariposa resolveu simplesmente ignorar o
comentário da mãe e permitiu-se ficar de novo alegre com a sua
descoberta e pensava:
- Que maravilha poder sonhar..!!!
Na noite seguinte, a estrela continuava no mesmo lugar, e ela
decidiu que iria subir até o céu, voar em torno daquela luz radiante e
demonstrar seu amor. Foi muito difícil ir além da altura com a qual
estava acostumada, mas conseguiu subir alguns metros acima do seu vôo
normal. Entendeu que, se cada dia progredisse um pouquinho, iria
terminar chegando à estrela, então armou-se de paciência e começou a
tentar vencer a distância que a separava de seu amor.
Esperava com ansiedade que a noite descesse e, quando via os
primeiros raios da estrela, batia ansiosamente suas asas em direção ao
firmamento.
Sua mãe ficava cada vez mais furiosa e dizia:
- Estou muito decepcionada com a minha filha! Todas as suas
irmãs e primas já têm lindas queimaduras nas asas, provocadas por
lâmpadas!
Você devia deixar de lado esses sonhos inúteis e arranjar um
amor que possa atingir.
A jovem mariposa, irritada porque ninguém respeitava o que
sentia, resolveu sair de casa. Mas, no fundo, como, aliás, sempre
acontece, ficou marcada pelas palavras da mãe e achou que ela tinha
razão.
Por algum tempo, tentou esquecer a estrela, mas seu coração
não conseguia esquecer a estrela e, depois de ver que a vida sem o seu
verdadeiro amor não tinha sentido, resolveu retomar sua caminhada em direção ao céu.
Noite após noite, tentava voar o mais alto possível, mas,
quando a manhã chegava, estava com o corpo gelado e a alma mergulhada na tristeza.
Entretanto, à medida que ia ficando mais velha, passou a
prestar atenção a tudo que via à sua volta.
Lá do alto podia enxergar as cidades cheias de luzes, onde
provavelmente suas primas e irmãs já tinham encontrado um amor, mas, ao ver as montanhas, os oceanos e as nuvens que mudavam de forma a cada minuto, a mariposa começou a amar cada vez mais sua estrela, porque era ela quem a empurrava para ver um mundo tão rico e tão lindo.
Muito tempo depois resolveu voltar à sua casa e aí soube
pelos vizinhos que sua mãe, suas irmãs e primas tinham morrido
queimadas nas lâmpadas e nas chamas das velas, destruídas pelo amor
que julgavam fácil.
A mariposa, embora jamais tenha conseguido chegar à sua
estrela, viveu muitos anos ainda, descobrindo que, às vezes, os amores
difíceis e impossíveis trazem muito mais alegrias e benefícios que
aqueles amores fáceis e que estão ao alcance de nossas mãos.
Com esta lenda aprendemos duas coisas:
Valorizar o amor e lutar pelos nossos sonhos, porque sabemos
que é a realização deles que nos faz feliz e lembremos:
"O mundo está nas mãos
daqueles que têm coragem
de sonhar, e correr o risco
de viver seus sonhos".

MAURA TEREZA


A CONQUISTA DA SERENIDADE



A CONQUISTA DA SERENIDADE
Um dia amanhece, glorioso, com a luz do sol atravessando as folhas. Silêncio que é quebrado pelo som dos passarinhos que acordam. Murmúrio de regatos que cantam, perfume de relva molhada pelo orvalho da noite. Será isso serenidade? A natureza oferece ao homem a oportunidade do silêncio externo, o exemplo da calma. Mas sozinha, ela, a natureza, será capaz de trazer a paz interna? Muita gente diz assim: Vou sair da cidade, a fim de descansar. Quero esquecer barulho, poluição, trânsito. Essa é uma paz artificial. Em geral, depois de alguns dias descansando, a pessoa volta para a cidade e aos ruídos da chamada civilização. E ainda exclama ao chegar: Que bom é voltar para o conforto da cidade. E, nas semanas seguintes, enfrenta novamente os engarrafamentos de trânsito, o som constante das buzinas, a fuligem. A comida engolida às pressas e o estresse do cotidiano estão de volta. Então vem a pergunta: Será que realmente a serenidade existe em nossa alma? Se ela estivesse mesmo em nós, não teríamos de deixar o local em que vivemos para encontrar a paz, não é mesmo? A conquista da serenidade é gradativa. A natureza não dá saltos e as mudanças de hábitos arraigados ocorrem muito lentamente. Não se engane com isso. Muita gente acredita que a simples decisão de modificar um padrão de comportamento é suficiente para que isso aconteça. Mas não é assim. Um antigo provérbio chinês traduz muito bem essa dificuldade. Ele diz assim: “Um hábito inicia como uma teia de aranha e depois se torna um cabo de aço”. O mesmo acontece em nossa vida. E a conquista da serenidade não escapa a essa lógica de criar novos hábitos, de reeducar-se. Sim, pois tornar-se pacificado é um exercício de auto-educação. A pessoa educa-se constantemente. Treina a paciência, o silêncio da mente. É uma conquista diária, um processo que vai se instalando e se fortalecendo. E por onde começar? O melhor é iniciar pelo dia a dia. Treinando com parentes, amigos, colegas de trabalho. Não se deixando perturbar pelas pequenas coisas do cotidiano. Das pequenas coisas que irritam, a pessoa passa a adquirir mais força para superar problemas mais graves, situações mais complexas. Aos poucos, suaviza-se o impacto que os outros exercem sobre nós. Acalma-se o coração, domina-se as emoções, tranqüiliza-se a mente. O resultado é o melhor possível. Com o passar do tempo, a verdadeira paz se instala. E mesmo em meio aos ruídos de todo dia, o homem pacificado não se deixa perturbar. É como um oásis em meio ao caos da vida moderna. Um espelho de água em meio a tempestades. Esse homem, em qualquer lugar que esteja, traz a serenidade dentro de si. Experimente começar essa jornada hoje mesmo. Vai torná-lo muito mais feliz. A serenidade resulta de uma vida metódica, postulada nas ações dinâmicas do bem e na austera disciplina da vontade. Mantenhamos a serenidade e a nossa paz se espalhará entre todos.
MAURA TEREZA

PALAVRAS QUE TODA MÃE GOSTARIA DE DIZER A SEU FILHO


PALAVRAS QUE TODA
MÃE GOSTARIA DE DIZER A SEU FILHO

Meu filho, eu lhe dei a vida, mas não posso vivê-la para você.
Eu posso mostrar-lhe caminhos, mas não posso estar neles para liderar você.
Eu posso levá-lo à igreja, mas não posso fazer com que tenha fé.
Eu posso mostrar-lhe a diferença entre o certo e o errado, mas não posso decidir sempre por você.
Eu posso comprar-lhe roupas bonitas, mas não posso fazê-lo bonito por dentro.
Eu posso lhe dar conselhos, mas não posso seguí-los por você.

Eu posso ensiná-lo a partilhar, mas não posso fazê-lo generoso,
Eu posso aconselhá-lo sobre amigos, mas não posso escolhê-los por você. Eu posso informá-lo sobre álcool e drogas, mas não posso dizer “NÂO” por você.
Eu posso falar-lhe sobre o sucesso mas não posso alcançá-lo por você

Eu posso orar por você, mas não
posso impor-lhe Deus.
Eu posso falar-lhe da vida, mas
não posso dar-lhe vida eterna.
Eu posso falar-lhe sobre sexo seguro,
mas não posso mantê-lo puro.
Eu posso ensinar-lhe o respeito, mas não posso forçá-lo a ser respeitoso.
Eu posso dar-lhe amor incondicional, por toda a minha existência e isso
Eu Farei.

MAURA TEREZA


NEM TUDO É FÁCIL



NEM TUDO É FÁCIL

É difícil fazer alguém feliz, assim como é fácil fazer triste. É difícil dizer eu te amo, assim como é fácil não dizer nada. É difícil valorizar um amor, assim como é fácil perdê-lo para sempre. É difícil agradecer pelo dia de hoje, assim como é fácil viver mais um dia. É difícil enxergar o que a vida traz de bom, assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua. É difícil se convencer de que se é feliz, assim como é fácil achar que sempre falta algo. É difícil fazer alguém sorrir, assim como é fácil fazer chorar. É difícil colocar-se no lugar de alguém, assim como é fácil olhar para o próprio umbigo. Se você errou, peça desculpas... É difícil pedir perdão? Mas quem disse que é fácil ser perdoado? Se alguém errou com você, perdoa-o... É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender? Se você sente algo, diga... É difícil se abrir? Mas quem disse que é fácil encontrar alguém que queira escutar? Se alguém reclama de você, ouça... É difícil ouvir certas coisas? Mas quem disse que é fácil ouvir você? Se alguém te ama, ame-o... É difícil entregar-se? Mas quem disse que é fácil ser feliz? Nem tudo é fácil na vida. Mas com certeza nada é impossível... Precisamos acreditar, ter fé e lutar para que não apenas sonhemos, Mas também tornemos todos esses desejos, REALIDADE!!! MAURA TEREZA

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

"Saudade é solidão acompanhada,



"Saudade é solidão acompanhada,

é quando o amor ainda não foi embora,
mas o amado já...
Saudade é amar um passado que ainda não passou,
é recusar um presente que nos machuca,
é não ver o futuro que nos convida...
Saudade é sentir que existe o que não existe mais...
Só uma pessoa no mundo deseja sentir saudade,
aquela que nunca amou.
E esse é o maior dos sofrimentos:
não ter por quem sentir saudades,
passar pela vida e não viver.
O maior dos sofrimentos é nunca ter sofrido..."

MAURA TEREZA

SOLIDÃO



SOLIDÃO

Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo...
Isto é carência.

Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes queridos que não podem mais voltar...
Isto é saudade.

Solidão não é o retiro voluntário que
a gente se impõe, às vezes,
para realinhar os pensamentos...
isto é equilíbrio.

Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsoriamente para que revejamos a nossa vida...
Isto é um princípio da natureza.

Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado..... Isto é circunstância.

Solidão é muito mais do que isto.
Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma...
Maura Tereza

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

ÚLTIMO SUSPIRO

ÚLTIMO SUSPIRO

Tua imagem distante
ao fundo do passado
que a vida juntou
embora em vão pois
nem gozar somente um beijo
nos foi possível

Temes, não sei o quê?
pois é visível que em teu peito
soluça um coração sem jeito
de lutar por teus anseios

Qual uma noite fria
em vertigem de amor
deixas tombar os sonhos
feito uma estrela que cai

Não, eu não te quero
pelo simples prazer de querer
Desespero-me ao saber
que sem ti, a vida se esvai

Em meu olhar de trevas
ardem chamas de paixão insana
posto que só loucos amam
como eu a ti, vivo a amar!

Pudesse ao menos
morrer em teus braços
mesmo que por piedade
meu corpo abrigasses
amenizando o meu martírio

Pudesse ao menos nessa hora
deixar por ti, meu grande amor
o meu último suspiro.

MAURA TEREZA


Quando as portas se fecham

Quando as portas se fecham

Algumas vezes na vida temos
que enfrentar esse tipo de desafio...
As portas se fecham
e nada dá certo.
Normalmente,
parece que é um aprendizado
que não vem sozinho.

As portas se fecham na vida íntima,
no trabalho e às vezes
até na família.

Claro que cada pessoa enfrenta
essa prisão de uma forma e,
com certeza,
o pior jeito de viver esse
momento é se deprimindo...

O que quase sempre
acontece porque ficamos tão tristes
que nada dá certo e nos afundamos
na depressão.

Percebi ao longo dos anos
que a depressão é um grande mal,
porque perdemos o
contato com o nosso foco de luz.

Quando nos deprimimos,
brigamos com nós mesmos,
uma briga sem vitorioso e
sem superação.
Ficamos com ódio da vida
e deixamos de nos dar estímulo
para a caminhada.

E o que fazer se não podemos
contar conosco?

Sei que ser amigo de você
mesmo num momento complicado
onde nada dá certo
não é fácil.

Porque muitas vezes nos achamos
culpados das derrotas,
nos vemos como pessoas ruins,
defasadas, burras,
e sem luz.

E não somos nada disso.

Cada um de nós tem o seu brilho,
as suas virtudes, porém,
quando estamos num momento
de quebra,
nada disso vem para fora.

Aí a solução é
continuar caminhando,
continuar acreditando
em dias melhores,
em mudanças.

Se as portas se fecharam
no seu caminho,
mude a rota...

Mude seu jeito de ser.
Faça cursos,
comece um trabalho voluntário,
faça caminhadas,
deixe o ar entrar em seus
pulmões e renovar sua energia.

Não podemos agir como
crianças mimadas quando
recebemos um não...

O que fazer quando já sabemos
que não adianta colocar
a culpa no outro???

Sim,
porque muitas vezes
as pessoas não são culpadas
das coisas ruins que
nos acontecem.
E quando percebemos que
somos nós os responsáveis
por questões difíceis
também não adianta em
nada nos crucificar.

Erramos por ignorância
de uma atitude adequada,
erramos porque não soubemos
fazer melhor e paciência...

Agora é tocar para frente.

Aquilo que você fez está
feito e por isso mesmo
é perfeito.
O que podemos mudar é daqui para
frente e principalmente
dentro de nós.

Quando as portas se fecham
estamos enfrentando também
uma quebra do ego,
uma revolução interna que
serve para nos mostrar
um outro caminho.

Quando nada dá certo em nossa vida,
precisamos com urgência
mudar nossa
visão do mundo,
transformar a forma de pensar
com muita coragem
e luz.

MAURA TEREZA

FELICIDADE


FELICIDADE
Felicidade não tem peso,
nem tem medida, não pode ser comprada, não se empresta, não se toma emprestada, não resiste a cálculos, porque não material, nos padrões materiais do nosso mundo. Só pode ser legítima. Felicidade falsa não é felicidade, é ilusão. Mas, se eu soubesse fazer contas na medida do bem, diria que a felicidade pode ter tamanho, pode ser grande, pequena, cabendo nas conchas da mão, ou ser do tamanhão do mundo. Felicidade é sabedoria, esperança, vontade de ir, vontade de ficar, presente, passado, futuro. Felicidade é confiança: fé e crença, trabalho e ação. Não se pode ter pressa de ser feliz, porque a felicidade vem devagarinho, como quem não quer nada. Ser feliz não depende de dinheiro, não depende de saúde, nem de poder. Felicidade não é fruto da ostentação, nem do luxo. Felicidade é desprendimento, não é ambição. Só é feliz quem sabe suportar, perder, sofrer e perdoar. Só é feliz quem sabe, sobretudo, amar.
Maura Tereza

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

CASULOS DA ALMA

CASULOS DA ALMA
Vida que passa célere... Dias que escorrem pelos dedos...Hoje, no crepúsculo da caminhada, faço uma retrospectiva de tudo que vivi, sonhei, das alegrias e decepções.Não vou aqui lamentar o que passou, chorar perdidas ilusões, como diz a canção...Nesta vida, tudo acontece por uma razão. Deus, em Sua infinita sabedoria, sabe o porquê de tudo que passamos...Não devemos perder a fé!Quantas vezes pedimos graças e quando alcançamos, esquecemos de agradecer...Quando chegam os dias de tristeza, não aceitamos a vontade do Pai.Apenas Ele conhece toda a nossa vida e sabe o que é melhor para nós.Não cai uma só folha de árvore, que não seja por Sua vontade.Quando aprendermos a confiar e deixar nas mãos Dele os problemas que nos parecem insolúveis, encontraremos a paz! Confesso que sem sempre pensava assim...Na juventude, queremos tudo para ontem e quando os desejos não se realizam, vêm a revolta e o inconformismo.Apenas na maturidade começamos a entender que o sofrimento é aprendizado para nosso crescimento interior.A vida, ou melhor, Deus nos ensina!Se formos alunos aplicados, viveremos dias de paz e alegria...Hoje tenho trancado, num cantinho do coração, momentos inesquecíveis que adoçam minha vida, tal qual um pote de mel que abro quando a saudade bate forte...Nos casulos da alma, aprendi a guardar apenas as doçuras da vida...Ah, mas ela foi pródiga comigo! Olho para os lados e vejo tanto sofrimento...Exorcizei as amarguras uma a uma...Agora, liberta, agradeço a Deus pela vida que me concedeu!

MAURA TEREZA

O MAIOR

O MAIOR
Ainda e sempre, a vaidade humana prossegue na caça incessante aos títulos máximos na Terra.Cartazes da imprensa e programas teleradiofônicos na atualidade cogitam de campeões variados que brilham, passageiros, na ribalta do mundo.O maior pensador...O maior cientista...O maior industrial...O artista maior...*E o campo de realizações terrestres, copiando-lhes o impulso, apresenta com garbo os seus expoentes mais altos...O maior arranha-céu...O maior transatlântico...O maior espetáculo...A fortuna maior...Todavia, semelhantes pruridos de evidência terrestre não são novos.*Há quase vinte séculos, surgiam eles igualmente no colégio dos seguidores humildes do Senhor.Nem mesmo os aprendizes do Evangelho, despretensiosos e simples conseguiram fugir à tentação do destaque pessoal.Eles próprios, na antevisão do paraíso, indagaram do Mestre, com desassombro inconsciente:- Quem seria o maior no Reino dos Céus?E a resposta do Cristo, ainda hoje, é um desafio à nossa fé.O maior no Reino do Amor será sempre aquele que se fizer o servo infatigável de todos, aquele que, em se esquecendo, oferece aos outros a própria alegria que não possui, e que, em se ajustando à máquina do bem, possa apagar-se, contente e anônimo, atendendo, no lugar que lhe é próprio, a tarefa que o Senhor lhe determina...*Se procuras a comunhão com Jesus, onde estiverdes, olvida a ti mesmo pela glória de ser útil.Ajuda, aprende, ampara, compreende, crê e espera cada dia...E, servindo sempre, encontrarás com o Mestre Divino a felicidade perfeita, penetrando com Ele o segredo sublime da cruz, pelo qual, em se rendendo à suprema renúncia, fez-se a luz das nações e a esperança da Humanidade inteira.

MAURA TEREZA

Silêncio

Silêncio
Perguntei a Deus se ele tinha um tempo para uma entrevista.Ele respondeu-me que o seu era eterno.Perguntei a Ele o que mais lhe deixava triste nos homens?Fico triste pelos homens perderem a saúde para ter dinheiro e perderem dinheiro para tratarem da saúde.Por homens ansiosos sobre o futuro esquecendo-se de viver o presente.Entristeço-me de acharem que por muito tempo viverão e morrerem sem ter tempo de ter vivido.Deus pegou minhas mãos e ficamosem silêncio por alguns instantes.Então perguntei a ele...Amigo, poderia o senhor me ensinar algumas lições para que eu possa repassá-la?Em resposta disse-me:Primeiro:Ame se não quiser amar,agradeça por ser amado.Segundo:Jamais se compare a ninguém.Terceiro:Pratique o bem e o perdão e aprenda tambéma pedir, não queira apenas perdoar.Quarto:Tome cuidado para não abrir feridasprofundas aqueles que te amam Quinto:Entender que uma pessoa rica não é aquele que tem muito, mas é aquele que menos tem.Sexto:Ser compreensivo com o sentimento alheio,tem pessoas que ama, mas não aprenderam ainda como expressar esse sentimento.Sétimo:Todos podem ver as mesmas coisas e terem opiniões diferentes sem precisarem ser ríspidos um com o outro.Oitavo:Liberte-se do ego e do orgulho.Nono:Tenha compaixão, pois assim e ncontrará a luz.Décimo:Silencie, o silêncio é necessário para refletir,apesar de que para muitos é complicado e ás vezes indiferente.Tudo na vida resume-se em amor e silêncio...Sem amor não se vive feliz.Com o silêncio ganha à paz no espírito.

MAURA TEREZA

Protegido da Tempestade


Protegido da Tempestade
"Desde os confins da Terra clamo por ti, no abatimento do meu coração.Leva-me para a rocha que é alta demais para mim".Salmo 61.2Tempestades de verão surgem repentinamente.Aprendi isso num dia quase perfeito, quando eu tinha cerca de dez anos.A água estava calma quando meu pai manobrava nosso barco pelo rio e eu e meus irmãos pescávamos.Então, sem qualquer aviso, o vento mudou e, antes que pudéssemos recolher nossas coisas, o céu escureceu.Relâmpagos começaram a aparecer rapidamente, como se estivessem à procura de criancinhas num barco de metal."Deitem-se todos!", gritou meu pai em meio ao ruído do vento.Aninhamos nossos corpos no fundo do barco e fechamos os olhos enquanto papai conduzia o barco rio abaixo.Não tínhamos avançado muito quando ele nos chamou outra vez, apontando para um rochedo íngreme.Avançou para a margem e nos ajudou a escalar até uma pequena gruta na parede dessa rocha, onde ficamos em segurança até a tempestade passar.Quando a vida muda de repente ou o perigo ronda meu caminho, penso nesse dia e nas palavras do Salmo 46.1"Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulações."Ainda enfrento coisas que me assustam, mas não estou sozinha.Deus é "a rocha mais alta que eu", um lugar seguro para ir quando as tempestades da vida estão em fúria.Podemos confiar em Deus, não importa o que aconteça.ReflexãoQuando as tempestades rugirem, busque o refúgio oferecido por Deus.

MAURA TEREZA

ENTRE O CÉU E A TERRA


Entre o céu e a terra, ha mais amor do que pode sentir nossa alma, e absorver nosso coração. Existe mais ternura do que pode nos dizer a mais bela canção;Entre o céu e a terra, ha mais verdade do que pode ver nossa imaginação. Mais mistério oculto no amor, do que pode mostrar-nos o contentamento do perdão;Entre o céu e a terra, existe uma beleza sem fim,mais perfume espargido,que um florido jardim.Existe uma aurora tão querida, uma paz universal,onde podemos ver a fonte da vida, e um amor sincero, sempre igual;Entre o céu e a terra, não existe saudade,nem o abstrato da maldade.Entre o céu e a terra, existe uma eternidade expandida, tão florida quanto o mais belo jardim.Existe uma paz tão querida,mais alva que o branco marfim;Entre o céu e a terra, não ha nostalgia, só existe alegria feito canção, ouve-se a mais linda melodia,na mais bela oração.Ha mais beleza entre o céu e a terra,do que pode absorver nossa vã imaginação.



MAURA TEREZA

Lição de Perseverança

Lição de Perseverança
Já observou a atitudedos pássaros ante às adversidades? Ficam dias e dias fazendo seu ninho, recolhendo materiais, às vezes trazidos de locais distantes...... E quando já ele está pronto e estão preparados para por os ovos, as inclemências do tempo ou a ação do ser humano ou de algum animal destrói o que com tanto esforço se consegui...O que faz o pássaro?Pára, abandona a tarefa?De maneira nenhuma. Começa, uma outra vez, até que no ninho apareçam os primeiros ovos.Muitas vezes, antes que nasçam os filhotes, um animal, uma criança, uma tormenta, volta a destruir o ninho, mas agora com seu precioso conteúdo...Dói recomeçar do zero... Mas ainda assim o pássaro jamais emudece, nem retrocede, segue cantando e construindo, construindo e cantando...Já sentiu que sua vida, seu trabalho, sua família, seus amigos não são o que você sonhou?Tem vontade de dizer basta, não vale a pena o esforço, isto é demasiado para mim?Você está cansado de recomeçar, do desgaste da luta diária, da confiança traída, das metas não alcançadas quando estava a ponto de conseguir?Mesmo que a vida o golpeie mais uma vez, não se entregue nunca, faça uma oração, ponha sua esperança na frente e avance. Não se preocupe se na batalha seja ferido, é esperado que algo assim aconteça. Junte os pedaços de sua esperança, arme-a de novo e volte a ir em frente.Não importa o que você passe... Não desanime, siga adiante.A vida é um desafio constante, mas vale a pena aceitá-lo. E sobretudo... Nunca deixe de cantar.

MAURA TEREZA

Basta um Minuto

Basta um Minuto
Um minuto serve para você sorrir: Sorrir para o outro, para você e para a vida. Um minuto serve para você ver o caminho, olhar a flor, sentir o cheiro da flor, sentir a grama molhada, notar a transparência da água. Basta um minuto para você avaliar a imensidão do infinito, mesmo sem poder entendê-lo. Em um minuto apenas você ouve o som dos pássaros que não voltam mais. Um minuto serve para você ouvir o silêncio, ou começar uma canção. É num minuto que você dará o sim que modificará sua vida... e basta. Basta um minuto para você apertar a mão de alguém e conquistar um novo amigo. Em um minuto você pode sentir a responsabilidade pesar em seus ombros: a tristeza da derrota, a amargura da incerteza, o gelo da solidão, a ansiedade da espera, a marca da decepção e a alegria da vitória... Quanta vitória se decide num simples momento, num simples minuto! Num minuto você pode amar, buscar, compartilhar, perdoar, esperar, crer, vencer e ser... Num simples minuto você pode salvar a sua vida... Num pequeno minuto você pode incentivar alguém ou desanimá-lo! Basta um minuto para você recomeçar a reconstrução de um lar ou de uma vida. Basta um minuto de atenção para você fazer feliz um filho, um aluno, um professor, um semelhante... Basta um minuto para você entender que a eternidade é feita de minutos."
, Maura Tereza

domingo, 15 de novembro de 2009

A PRECE DO CÃO


A PRECE DO CÃO

Trata-me com carinho, meu amado mestre, pois nenhum coração em todo o mundo, será mais agradecido do que o meu. Não tente me educar com pancadas, pois embora eu possa lamber-lhe as mãos entre um golpe e outro, a sua paciência e compreensão ensinar-me-ão mais rapidamente as coisas que espera que eu aprenda. Fale-me muito, pois tua voz é a doce música do meu mundo, como pode perceber pelos ardentes sacolejos de minha cauda quando ouço os seus passos. Quando o tempo está frio e chuvoso, conserve-me dentro de casa, pois sou um animal doméstico, sem preparo para enfrentar as intempéries do tempo, e a minha maior glória será o privilégio de sentar-me a seus pés. Conserve minha vasilha com água fresca, pois além de não poder reclamar quando ela está seca também não posso dizer-lhe quando estou com sede. E quando eu estiver bem velho, se o todo PODEROSO me privar de saúde e da visão, por favor não me vire as costas... Faça-me o bem de deixar que a minha vida de dedicação e fidelidade possa se extinguir suavemente e eu farei sentir com o meu último alento que sempre me senti seguro em suas mãos. Amém.

MAURA TEREZA

Definitivo


Definitivo

Definitivo, como tudo o que é simples. Nossa dor não advém das coisas vividas, mas das coisas que foram sonhadas e não se cumpriram. Sofremos por quê? Porque automaticamente esquecemos o que foi desfrutado e passamos a sofrer pelas nossas projeções irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado do nosso amor e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter tido junto e não tivemos,por todos os shows e livros e silêncios que gostaríamos de ter compartilhado, e não compartilhamos. Por todos os beijos cancelados, pela eternidade. Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e paga pouco, mas por todas as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema, para conversar com um amigo, para nadar, para namorar. Sofremos não porque nossa mãe é impaciente conosco, mas por todos os momentos em que poderíamos estar confidenciando a ela nossas mais profundas angústias se ela estivesse interessada em nos compreender. Sofremos não porque nosso time perdeu, mas pela euforia sufocada. Sofremos não porque envelhecemos, mas porque o futuro está sendo confiscado de nós, impedindo assim que mil aventuras nos aconteçam, todas aquelas com as quais sonhamos e nunca chegamos a experimentar. Por que sofremos tanto por amor? O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por termos conhecido uma pessoa tão bacana, que gerou em nós um sentimento intenso e que nos fez companhia por um tempo razoável,um tempo feliz. Como aliviar a dor do que não foi vivido? A resposta é simples como um verso: Se iludindo menos e vivendo mais!!! A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento,perdemos também a felicidade. A dor é inevitável. O sofrimento é opcional...

MAURA TEREZA

Caminhar sozinha..

Caminhar sozinha..
Em estradas íngremes e sinuosas...Num deserto povoado...Ter sede com águas límpidas que se enxerga ao longe...Onde, por vezes, precisa-se de mãos entrelaçadas, apertandoa nossa, na cumplicidade da existência, do momento...Do olhar, amigo, sereno, silencioso a dizer: estou aqui com você!Essas são as fases da vida... e, fico pensando, que ainda têm pessoas que se acham únicas e poderosas,que chegam a afirmar que não precisam de ninguém...Eu preciso!Muitos precisam!Quando a vida vem, num repente, e extirpa um pedaço da gente...Como vento forte que desfolha a árvore...Como chuva forte que, também de súbito, invade um dia claro...Como jardim florido, com habitantes sensíveis, que é alvo de granizo...Que será visto no outro dia pelo jardineiro, que na cumplicidade do amor, o refará...abraçará, dará o carinho em reciprocidade do momento das flores...E ele voltará a ser visto e admirado...Olhar para um jardim viçoso é bálsamo para os olhos, é ser feliz junto com a alegria dele...Cuidar dele quando algo o atinge, só para o jardineiro que o ama, que faz parte dele, que se fez nele, que colocou nele o melhor de sua essência,que fundiu sua habilidade e sentimento à sua beleza...Ele chorará com as flores, cuidará delas, segurando as mãos invisíveis, abraçando-as em silêncio,olhando-as com o mesmo amor, silenciosamente, traduzindo a segurança do renascer...Mas, há de haver outros bálsamos...Lá fora, o mar é azul e belo...Outras flores nascerão, como presentes... O céu transforma-se em sol...Em brilho...Em plenitude..Vitória se tem..O jardim foi recuperado,e nós, bravamente, mesmo sozinhos,conseguimos caminhar na estrada..Vencer os obstáculos...Continuar a vida...E sermos mais fortes a cada dia...Construindo e reconstruindo cada pedaço de vida...Olhando-nos no espelho de nós mesmos e refletindo a nossa existência...De essência e fibra,refletindo a força das águas, a serenidade e sensibilidade das flores.

MAURA TEREZA

Alem do Limite


Alem do Limite
Se somente eu lutar por um mundo melhor,um dia eu me cansarei e, certamente, desanimarei diante das dificuldades.Eu sou um ser humanoe tenho também meu limite,por mais que Deus em mim habite... Mas, se eu tiver o teu ombro amigoe você caminhar comigo,com a fé que abre portase a tua palavra de encorajamento nem por um momento ficarei desanimado.Eu irei, sim, além do meu limitee chegarei ao castelo de sonhos que em algum lugar sei que existe... Eu preciso muito de você e, certamente,você precisa também de mim.Vamos unir nossas forças para nos tornarmos fortes.Com o amor sendo um suporte venceremos muitas barreiras e até mesmo a morte... Não importa o teu passado,limitações que tenhase nem sua crença também.Falhas, quem é que não tem?Eu somente espero que você seja sincero,respeite minhas emoções,ajude nos meus erros,mas aponte também as soluções... Vamos construir um mundo onde haja mais justiça,fraternidade,paz entre as pessoase muita solidariedade.Isso não é uma fantasiae nem falo com precipitação.Se cada um fizer um pouco,em breve seremos uma nação onde haverá mais coração.

MAURA TEREZA

Não Desista Nunca


Não Desista Nunca
Se você não acreditar naquilo que você é capaz de fazer; quem vai acreditar?Dizer que existe uma idade certa, tempo certo, local certo, não existe.Somente quando você estiver convicto daquilo que deseja e esta convicção fizer parte integrante do processo.Mas quando ocorre este momento? Imagine uma ponte sobre um rio.Você está em uma margem e seu objetivo está na outra.Você pensa, raciocina, acredita que a sua realização está lá.Você atravessa a ponte, abraça o objetivo e não olha para traz.Estoura a sua ponte.Pode ser que tenha até dificuldades, mas se você realmente acredita que pode realizá-lo, não perca tempo: vá e faça.Agora, se você simplesmente não quer ficar nesta margem e não tem um objetivo definido, no momento do estouro, você estará exatamente no meio da ponte.Já viu alguém no meio de uma ponte na hora da explosão... eu também não.Realmente não é simples.Quando você visualizar o seu objetivo e criar a coragem suficiente em realizá-lo, tenha em mente que para a sua concretização, alguns detalhes deverão estar bem claros na cabeça ou seja, facilidades e dificuldades aparecerão, mas se realmente acredita que pode fazer, os incômodos desaparecerão.É só não se desesperar.Seja no mínimo um pouco paciente.Pois é, as diferenças básicas entre os três momentos são:ESTOURAR A PONTE ANTES DE ATRAVESSÁ-LA Você começou a sonhar... sonhar... sonhar! De repente, sentiu-se estimulado a querer ou gozar de algo melhor.Entretanto, dentro de sua avaliação, começa a perceber que fatores que fogem ao seu controle, não permitem que suas habilidades e competências o realize.Pergunto, vale a pena insistir?Para ficar mais tangível, imaginemos que uma pessoa sonhe viver ou visitar a lua, mas as perspectivas do agora não o permitem, adianta ficar sonhando ou traçando este objetivo?Para que você não fique no mundo da lua, meio maluquinho, estoure a sua ponte antes de atravessá-la, rompa com este objetivo e parta para outros sonhos! ESTOURAR A PONTE NO MOMENTO DE ATRAVESSÁ-LA Acredito que tenha ficado claro, mas cabe o reforço.O fato de você desejar não ficar numa situação desagradável é válido, entretanto você não saber o que é mais agradável, já não o é! Ou seja, a falta de perspectiva nem explorada em pensamento, não leva a lugar algum. Você tem a obrigação consciencional de criar alternativas melhores.Nos dias de hoje, não podemos nos dar ao luxo de sair sem destino.O nosso futuro não é responsabilidade de outrem, nós é que construímos o nosso futuro. Sem desculpas, pode começar...ESTOURAR A PONTE DEPOIS DE ATRAVESSÁ-LA.No início comentei sobre as pessoas que realizaram o sucesso e outras que não tiveram a mesma sorte.Em primeiro lugar, acredito que temos de definir o que é sucesso.Sou pelas coisas simples, sucesso é gostar do que faz e fazer o que gosta.Tentamos nos moldar em uma cultura de determinados valores,onde o sucesso é medido pela posse de coisas, mas é muito mesquinho você ter e não desfrutar daquilo que realmente deseja.As pessoas que realizaram a oportunidade de estourar as suas pontes de modo adequado e consistente, não só imaginaram, atravessaram e encontraram os objetivos do outro lado.Os objetivos a serem perseguidos, foram construídos dentro de uma visão clara do que se queria alcançar, em tempo suficiente, de modo adequado, através de fatores pessoais ou impessoais, facilitadores ou não, enfim o grau de comprometimento utilizado para a sua concretização.A visão sem ação, não passa de um sonho.A ação sem visão é só um passatempo.A visão com ação pode mudar o mundo.

MAURA TEREZA

ALCANÇA TEUS SONHOS


ALCANÇA TEUS SONHOS
Sê firme em tuas atitudes e perseverante em teu ideal. Porém sê paciente, não pretendendo que tudo te chegue de imediato. Haverá tempo para tudo, e tudo que é teu, virá a tuas mãos no momento oportuno. Aprende a esperar o momento exato para receber os benefícios que reclamas. Espera com paciência que amadureçam os frutos para poder apreciar devidamente sua doçura !Não sejas escrava do passado e de recordações tristes. Não revolvas uma ferida que está cicatrizada. Não rememores dores e sofrimentos antigos. O que passou, passou! De agora em diante procura construir uma vida nova, dirigida para o alto e caminha para diante, sem olhar para trás. Faz como o sol que nasce cada dia, sem lembrar-se da noite que passou. Só contemples o objetivo e não vejas que é tão difícil alcançá-lo. Não te detenhas no mal que porventura fizeste; caminha no bem que possas fazer. Não te culpes pelo que fizeste, mas te decide a melhorar sempre.Vive cada dia, aproveita o passado para o bem e deixa que o futuro chegue a seu tempo. Não sofras pelo que vem, recorda que "cada dia tem sua própria dificuldade”. Deixa que o amor te toque e não te defendas dele. Busca alguém com quem compartilhar tuas lutas; uma pessoa que te entenda, te apóie e te acompanhe nelas e a quem possas te entregar de olhos fechados. Se tua felicidade e tua vida dependem de outra pessoa, desprende-te dela e a ama, sem pedir-lhe nada em troca. Aprende a te olhar com amor e respeito, pensa em ti como em algo precioso. Se em teu interior há luz e deixas abertas as janelas de tua alma, por meio da alegria, todos que passam pela rua em trevas, serão iluminados por tua luz. O trabalho enobrece aqueles que o realizam com entusiasmo e amor.Não existem trabalhos humildes. Só se distinguem, uns dos outros, por serem bem ou mal realizados. Dá valor a todo trabalho.Deus nos criou para realizar um sonho. Vivamos por ele, tentemos alcançá-lo. Coloquemos nossa vida nesse sonho e se percebermos que não o atingiremos desse modo, talvez, então, tenhamos de fazer uma parada no caminho e experimentar uma mudança em nossas vidas. Não te sintas vencida, pensa que se Deus te deu a vida, é porque sabe que podes vivê-la. E quando precisares de uma mão amiga, que te conforte, que te ampare, consulta teu coração que ele mostrar-te-á. Tu e só tu escolhes a maneira pela qual vais afetar o coração de outros e essas decisões são do que se trata a vida.E lembras sempre que “és responsável pelo coração que cativas”Procura “OS TEUS PONTOS FRACOS’ e lembra-te sempre: A decisão final é sempre tua, apesar de apreciares a opinião de cada um.“A vida é bela para quem a faz bela". ".

MAURA TEREZA

Um Abraço Diz Muitas Coisas...



Um Abraço Diz Muitas Coisas...

Abraços são dados de muitas formase com diferentes significados.Têm abraços que dizem:"Fico muito contente com a sua amizade..."Existem abraços que expressam o orgulhoque se sente por alguém especial!...Também há abraços que dizem:"Não existe ninguém no mundo igual a você..."Há abraços doces e ternosque são dados em momentos de tristeza...Com um abraço também podemos dizer:"Sinto muito",quando alguém está passando por um momento difícil...Há abraços que damos, para dizer:"Que bom que você veio",e outros que dizem:"Sentirei sua falta quando você estiver longe de mim..."E não faltam esses abraços perfeitos para fazer as pazes...E os abraços cheios de carinho,que nascem do coração...Como você vê,existem abraços para diferentes ocasiões;abraços rápidos e abraços demorados,um para cada razão...Porém, de todos os abraços,o mais carinhoso é aquele que diz:"Você está sempre no meu pensamento porque eu te quero muito!"(E sempre será assim!

MAURA TEREZA

SUAS MÃOS...MINHAS MARCAS



SUAS MÃOS...MINHAS MARCAS
Essas mãos que me afagaram a alma com tanta doçura,que se estenderam gentis e tranqüilas pelas palavras,passeando, vagando, como que perdidas, disseram tanto e deixaram tantas marcas...Essas mãos que por horas infindáveisse moveram neste teclado,passando pensamentos, contando sentimentosde tudo e de todos,falando dos sonhos, das delícias da vida,das mazelas passadas, dos anos vividos...Essas mãos cantavam alegriaquando as canções surgiam lindas, escolhidas "a dedo"...Ouvidas e cantaroladas por nós.Essas mãos que à vezes voavame num gemer de prazer, soltavam palavras erradase nos traziam, no olhar, o sorriso, na tela, um _desculpe, foi sem querer...Essas mãos se livraram... Tomaram outro rumo,foram buscar um outro destinoe todos os sons... se calaram...Essas mãos me deixaram a certeza de serem lindas e supremas,mas também livres e guerreiras no seu ir e vir.E mesmo agora, em outro caminho,pedaços de mim elas levam consigo,só restando a saudade do teclado calando,da tela se apagando... das vidas expostas...dos sentimentos voando...Mãos que segurarampedaços da minha vida... Deixaram saudade, muita saudade... e marcas em mim.

MAURA TEREZA

O Amanhecer

O Amanhecer


Olhe o dia amanhecendo e você vai sentir que, em quase tudo, há anjos tecendo o alvorecer.Uns são raios de sol que vêm descendo,para iluminar o que de bom a gente sonha fazer.Outros são canções suaves que quando em silêncio, a gente ouve em toda fonte que jorra, em cada onda que bate,em cada sopro de vento, em cada silvo selvagem,em cada bicho que corre, em cada flor ao nascer.Eles são fontes de energia e proteção, presentes em seus planos, desejos, vontades,em tudo o que o amanhecer inspira.Só que é preciso fechar os olhos para ver, e ouvir o coração dizendo que a gente é como gota d'água, nesse mar imenso do universo, com o poder infinito de transformar o que é invisível em cores do arco-íris.Acredite.Cada manhã dá luz a um novo dia, mas é você quem faz nascer a alegria.


MAURA TEREZA

sábado, 14 de novembro de 2009

O QUE SINTO POR VOCÊ

































O QUE SINTO POR VOCÊ
Nosso amor é um sentimentoSincero, no coração;São dois olhares acesosBem juntos, unidos, presosNuma mágica atração.São dois galhosBem longe às vezes nascidos,Mas que se juntam crescidosE que se abraçam por fim.São duas almas bem gêmeasQue riem no mesmo riso,Que choram nos mesmos ais;São nossas vozes de amantes,Duas liras semelhantes,Ou dois poemas iguais.

Deus,

Deus,
Como me foi difícil contigo falar, Quanto tempo andei,De quantos tropeços me levantei, Naufrágios sobrevivi...E hoje, Senhor, Ao passar pelo jardim entre flores e folhas, Pisando na grama molhada,Ouvi um canto que até então não defini.Levantei a face ao céu supostamente escuroE, em soluço intenso de alegria,Sentia-te no piscar das estrelas,No clarão da lua, no além da noite.O amanhecer de não apenas um dia,Mas de um novo meio século Que desponta em forma de fé!Senhor dos senhores,Em felicidade entreguei-me a ti E como sempre te peço que vás adiante de mim; hoje pairou no vento a certeza que estás indo mais além, estás a volta, acima e dentro de mim!Obrigado, Senhor, por habitares todos esses anos calado e em silêncio em minha alma!Obrigado, Senhor, por teres a Paciência no esperar do meu despertar!Obrigado, Senhor, por me manteresEm amor, o mais puro amor,Na alegria de ser, nessa luta de viver......Apesar dos pesares.


MAURA TEREZA

MUNDO VIRTUAL



MUNDO VIRTUAL
Você!

Chega assim em meu pensamento

Num momento de tristeza

Me envolvendo em teu abraço

De braços que nunca toquei

E nos teus olhos encontro

O grande carinho do amigo

Que nunca vi e encontrei...Você!

Chega muito mais presente

No sorriso do momento

Em que se cruzam telinhas Palavras, toques, abraços

De dois que se unem distantes

Da eterna e sincera amizade

Do virtual, perdido no espaço...Você!

Talvez ainda mais real

Que tantos e tantos encontros

Me acompanha em solidão

Em noites e noites a sós

No escuro de tantos quartos

Onde um só se une à tantos

E cada um é um de nós...EU,VOCÊ,E o VIRTUAL..
Maura Tereza

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

QUANDO TEU CORAÇÃO AFLORA




QUANDO TEU CORAÇÃO AFLORA

Quando teu coração aflora, deixando exposta a luz que envolve teu ser, iluminas e mansamente chegas ao teu silêncio,a tua paz, a tua integraçãocom a Criação.O que são as nuvens que ameaçam o teu céu quando tens o próprio sol a brilhar em ti?O que são as noites escuras quando tens os dias claros e alegresdando-te a promessa de um novo momento, de uma nova opção,de um novo aprendizado?O que é o ódio diante do amorque eleva, engrandece teu ser,fazendo-te amar o teu próximo?O que é a riqueza materialperto da valiosa fortuna espiritualque carregas em teu coração,com o qual compartilham aqueles que estão em busca da luz,e do aprendizado com a tua conduta amorosa?O que é a ansiedade, a angústia,o vazio que vai no peito,diante da imensa certeza que trazes em ti e por ti?O que é o medo da vida e dos teus irmãos quando compreendesque tudo pertence a uma mesma origem e esta origem é o Amor?Deixa que teu coração afloree sente que és parte do Universo,onde nada está separado,onde tudo caminha em paz, em harmonia, rumo à alegria do Grande Despertar.
Que Deus vos abençoe .
Um abraço, Maura

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Rajadas de Vento













Rajadas de Vento
É!... O tempo mudou:
o sol se ocultou
e, a leve brisa da primavera, carregou.
Que vento!


Lá fora e aqui dentro noite se fez.
Quem sou eu da minha pequenez,
dividir com o vento minhas quimeras?!

Desfez o perfume das flores
e trouxe o cheiro doce
da terra molhada.
Faz-me descobrir
breve, pura e limpa.
Que rajada!


Carrega minhas dores
e deixa em mim uma leve e profunda sensação
de poder...
de poder sentir as
rajadas do vento...
fora e dentro!

MOMENTOS



MOMENTOS
"Como são difíceis os momentos. Momentos de decisões, momentos de escolhas, momentos de solidão, momentos a dois, momentos de partidas, momentos que em frações de segundos, decidimos nossos destinos, nossos caminhos. Momentos que nem sempre estamos equilibrados, lúcidos em tomá-los. Momentos que se tornarão talvez eternos ou passageiros, que se tornarão a dúvida ou a certeza, uma realidade ou um sonho, uma alegria ou uma lágrima. Momentos que farão de frações eternos dividendos. Momentos que nos tornarão heróis ou covardes, que nos farão amar ou odiar.
Momentos que serão lembranças ou esquecimentos, serão eternidades ou passagens, sublimes ou ilusórios. Momentos de paixão, momentos de capricho, momentos de amantes, momentos de loucuras, momentos de anseios, momentos de desejos. Momentos, momentos......momentos, Momentos que terei para decidir Se na minha vida, aqueles momentos que realmente me tocaram, aqueles que realmente me fizeram, valeram ou não um dia terem existido. Temos que ter a certeza de que todos os nossos momentos valeram a pena, pelo simples fato de termos vivido!..."

Quando se Sentir Só



Quando se Sentir Só
Peça ao céu um pouco de silêncioe procure conversar com a noite. Faça de cada ilusão uma saudade repita mais demil vezes que tudo passou e porque passou.Lá fora o ar pode estar pesado, mas o desejo a seguir ,é amar, é respeitar, liberte-se dos preconceitos esaia por aí, vai passear, ironize essa amargura efaça dela uma sombra fértil,tanto que não vale a pena pensar.Não sinta receio de nada;A vida é assim, tudo acaba...Mas existe um amanhã de saída ,do meio e da chegada, é sempre um amanhãpara hoje que é feito de aventuras.Olhe-se no espelho e gaste tudo de bom quevocê tem pra dar, aquele que viu, ouviu, adorou,e mesmo aquele que sofreu.Afirme-se no desejo de quemsempre encontrará outros desejosmais fortes, tudo é natural,tudo partiu de dentro de nós.E um dia em algum lugar existiu durante 20 minutosum alguém que comparou e fez de você algo melhor.Vibre com a lua, mas contra a tempestade.Fique feliz por ainda saber sorrir ...Vá! Levante a cabeça,imponha no rosto uma expressão feliz, tudo é fácil.Notou? Abra a janela e preste atenção nos pássaros brancosque voam no céu...Tudo é paz, naturalidade e franqueza .Porque esta melancolia?Lembre-se de um sonho, dealguém que está sempre ao seu lado,mesmo você não estando esinta como é fácil ser feliz.

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

ALEM DO LIMITE



Alem do Limite
Se somente eu lutar por um mundo melhor,um dia eu me cansareie, certamente, desanimar e diante das dificuldades.Eu sou um ser humanoe tenho também meu limite,por mais que Deus em mim habite... Mas, se eu tiver o teu ombro amigoe você caminhar comigo,com a fé que abre portase a tua palavra de encorajamento nem por um momento

ficarei desanimado.Eu irei, sim, além do meu limite e chegarei ao castelo de sonhos que em algum lugar sei que existe... Eu preciso muito de vocêe, certamente,você precisa também de mim.Vamos unir nossas forças para nos tornarmos fortes.Com o amor sendo um suporte venceremos muitas barreiras e até mesmo a morte... Não importa o teu passado,limitações que tenhase nem sua crença também.Falhas, quem é que não tem?Eu somente esperoque você seja sincero,respeite minhas emoções,ajude nos meus erros,mas aponte também as soluções... Vamos construir um mundo onde haja mais justiça,fraternidade,paz entre as pessoas e muita solidariedade.Isso não é uma fantasia e nem falo com precipitação.Se cada um fizer um pouco,em breve seremos uma nação onde haverá mais coração...

POEMA DA PROSPERIDADE



POEMA DA PROSPERIDADE
Nem a tristeza, nem a desilusão, nem a incerteza, nem a solidão, NADA ME IMPEDIRÁ DE SORRIR.Nem o medo, nem a depressão, por mais que sofra meu coração, NADA ME IMPEDIRÁ DE SONHAR. Nem o desespero, nem a descrença, muito menos o ódio ou alguma ofensa, NADA ME IMPEDIRÁ DE VIVER.Em meio as trevas, entre os espinhos, nas tempestades e nos descaminhos, NADA ME IMPEDIRÁ DE CRER EM DEUS. Mesmo errando e aprendendo, tudo me será favorável, para que eu possa sempre evoluir, preservar, servir, cantar, agradecer, perdoar, recomeçar... QUERO VIVER O DIA DE HOJE COMO SE FOSSE O PRIMEIRO. Quero viver o momento de agora como se ainda fosse cedo, como se nunca fosse tarde. Quero manter o otimismo, conservar o equilíbrio, fortalecer a minha esperança, recompor minhas energias, para prosperar na minha missão e viver alegre todos os dias. Quero caminhar na certeza de chegar, quero lutar na certeza de vencer, quero buscar na certeza de alcançar, quero saber esperar, para poder realizar os ideais do meu ser.ENFIM, quero dar o máximo de mim, para viverintensamente e maravilhosamente TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA.

As frustrações do homem moderno



As frustrações do homem moderno
Grande parte das pessoas, na sociedade atual, é infeliz, é frustrada. Você já se perguntou por que isso acontece? Muitos são os estudos feitos para se descobrir as possíveis causas da infelicidade do homem moderno e todos apontam para um único e grande causador de tudo isso: o próprio homem. O ser humano traz em sua bagagem, ao nascer, um plano de felicidade. Ele traz consigo basicamente três motivações que o levarão a uma satisfação pessoal, se as conseguir manter ao longo da existência. Uma delas é ter um relacionamento pessoal satisfatório.Outra é poder ser útil na comunidade em que vive e, por fim, crescer como indivíduo, alcançando sua auto-realização. Se todas as pessoas conseguissem atender a esses apelos do seu interior jamais se sentiriam frustradas ou infelizes.No entanto, há outros apelos muito fortes que vêm do exterior, que a sociedade impõe como sendo indispensáveis: ter muito dinheiro, ter fama e ser fisicamente atraente. E é quando o ser humano entra na luta pela conquista de posses materiais, de fama e de uma aparência física atraente,que muitas vezes se infelicita e se frustra.E por que isso ocorre?Porque, em sua maioria, as criaturas se esquecem das suas aspirações íntimas e passam a lutar com todas as suas forças para conquistar o que a sociedade convencionou chamar de homem bem sucedido. E, para "subir na vida", tantas vezes não se importa em passar por cima de seus semelhantes, e mata uma de suas motivações íntimas: a de ter um bom relacionamento pessoal.Deixa de ouvir a voz da consciência que o chama à utilidade, junto à comunidade, e passa a lutar por uma profissão que lhe dê status e fama. Se aspirar, por exemplo, a ser um médico útil à sociedade, passa a ver na profissão um meio de ganhar dinheiro e fazer fama, tornando-se um comerciante da medicina, que só atende se for bem pago.E para poder se manter fisicamente atraente, muitos indivíduos vivem à custa de drogas e regimes cruéis, e passam a depender disso para manter as aparências. E quando o corpo físico cobra seus tributos, em função da idade, passam a esticar a pele por todos os lados, como se fosse possível enganar as leis que regem a matéria.O que o indivíduo não se dá conta, é que quanto mais luta para ter, mais se esquece de ser e mais se infelicita. Os que conseguem conquistar posses materiais, fama, e uma boa aparência, passam a empregar seu tempo e sua saúde para mantê-los.E os que não logram realizar esses sonhos estabelecidos pela sociedade, se tornam infelizes e frustrados por se julgarem incapazes para tal. Jesus, o excelente psicólogo da Humanidade, recomendou que envidássemos esforços para conquistar bens que nem a traça nem a ferrugem consomem. E esses bens são as virtudes do Espírito, que nos seguem pela eternidade afora.Assim, quando o ser humano entender que o dinheiro é meio e não fim para ser conquistado a qualquer custo, colocará esse bendito recurso a serviço do progresso próprio e dos seus semelhantes em todos os sentidos. "Não vos inquieteis pela posse do ouro", recomenda Jesus.E na parábola do rico fazendeiro que só se importava em encher os celeiros de forma egoísta Ele adverte: "Insensato que sois! Ainda esta noite lhe exigirão a alma." Jesus, portanto, não disse que temos que desprezar osbens terrenos, nem o dinheiro, mas ensinou que os bens terrenos aqui ficamquando daqui partimos e que não vale a pena ganhar a vida e perder-se a si mesmo.Você vale pelo que é, e não pelo que tem ou pela sua aparência física. As virtudes são os tesouros mais preciosos que você pode conquistar. Lembre-sesempre de que nada vale à pena se tivermos que abrir mão da nossa dignidade,da nossa honradez, ou dos nossos valores nobres.

Não Desista Nunca



Não Desista Nunca
Se você não acreditar naquilo que você é capaz de fazer; quem vai acreditar?Dizer que existe uma idade certa, tempo certo, local certo, não existe.Somente quando você estiver convicto daquilo que deseja e esta convicção fizer parte integrante do processo.Mas quando ocorre este momento? Imagine uma ponte sobre um rio.Você está em uma margem e seu objetivo está na outra.Você pensa, raciocina, acredita que a sua realização está lá.Você atravessa a ponte, abraça o objetivo e não olha para traz.Estoura a sua ponte.Pode ser que tenha até dificuldades, mas se você realmente acredita que pode realizá-lo, não perca tempo: vá e faça.Agora, se você simplesmente não quer ficar nesta margem e não tem um objetivo definido, no momento do estouro, você estará exatamente no meio da ponte.Já viu alguém no meio de uma ponte na hora da explosão... eu também não.Realmente não é simples.Quando você visualizar o seu objetivo e criar a coragem suficiente em realizá-lo, tenha em mente que para a sua concretização, alguns detalhes deverão estar bem claros na cabeça ou seja, facilidades e dificuldades aparecerão, mas se realmente acredita que pode fazer, os incômodos desaparecerão.É só não se desesperar.Seja no mínimo um pouco paciente.Pois é, as diferenças básicas entre os três momentos são:ESTOURAR A PONTE ANTES DE ATRAVESSÁ-LA Você começou a sonhar... sonhar... sonhar! De repente, sentiu-se estimulado a querer ou gozar de algo melhor.Entretanto, dentro de sua avaliação, começa a perceber que fatores que fogem ao seu controle, não permitem que suas habilidades e competências o realize.Pergunto, vale a pena insistir?Para ficar mais tangível, imaginemos que uma pessoa sonhe viver ou visitar a lua, mas as perspectivas do agora não o permitem, adianta ficar sonhando ou traçando este objetivo?Para que você não fique no mundo da lua, meio maluquinho, estoure a sua ponte antes de atravessá-la, rompa com este objetivo e parta para outros sonhos! ESTOURAR A PONTE NO MOMENTO DE ATRAVESSÁ-LA Acredito que tenha ficado claro, mas cabe o reforço.O fato de você desejar não ficar numa situação desagradável é válido, entretanto você não saber o que é mais agradável, já não o é! Ou seja, a falta de perspectiva nem explorada em pensamento, não leva a lugar algum. Você tem a obrigação consciencional de criar alternativas melhores.Nos dias de hoje, não podemos nos dar ao luxo de sair sem destino.O nosso futuro não é responsabilidade de outrem, nós é que construímos o nosso futuro. Sem desculpas, pode começar...ESTOURAR A PONTE DEPOIS DE ATRAVESSÁ-LA.No início comentei sobre as pessoas que realizaram o sucesso e outras que não tiveram a mesma sorte.Em primeiro lugar, acredito que temos de definir o que é sucesso.Sou pelas coisas simples, sucesso é gostar do que faz e fazer o que gosta.Tentamos nos moldar em uma cultura de determinados valores,onde o sucesso é medido pela posse de coisas, mas é muito mesquinho você ter e não desfrutar daquilo que realmente deseja.As pessoas que realizaram a oportunidade de estourar as suas pontes de modo adequado e consistente, não só imaginaram, atravessaram e encontraram os objetivos do outro lado.Os objetivos a serem perseguidos, foram construídos dentro de uma visão clara do que se queria alcançar, em tempo suficiente, de modo adequado, através de fatores pessoais ou impessoais, facilitadores ou não, enfim o grau de comprometimento utilizado para a sua concretização.A visão sem ação, não passa de um sonho.A ação sem visão é só um passatempo.A visão com ação pode mudar o mundo.

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Você é compromisso!



Você é compromisso!


O pensamento segue viagem,abrindo espaço no tempo,correndo pela noite veloz,alcançando aqui e acolá o Destino.Enquanto você viaja e sonha,o pensamento constrói pontes,une o desejo com a realidade,fala de possibilidades...Cuide do seu pensamento,ele é reflexo do seu momento.Se eles andam sinistros, depressivos,se nada parece ter força, é em você,a fonte de toda a manifestação real,em que se deve buscar respostas.Alegre-se!Ainda que a resposta seja negativa,ainda que o emprego não seja uma maravilha,ainda que o café esteja meio amargo,ainda que a roupa esteja um pouco gasta,ainda que a conta esteja alta e o recurso parco,ainda que e escola seja chata,ainda que a pessoa amada anda mal-amada,ainda que não seja dia, apenas madrugada,ainda que o sol não tenha aparecido, ainda que a chuva despencou na hora de ir embora,ainda que o velho amigo tenha falecido,ainda assim, é tempo de alegrar-se,pisar nas poças d'água como criança,brincar com os amigos da infância,lembrar das doçuras e das travessuras,coisas que nos motivam, que empurram para o bem.Ainda bem que você está aqui!É uma honra ter você no planeta,que com certeza, seria menos alegre,menos colorido e mais vazio,se não pudessemos contar com você.Você conta muito para a vida,ainda que não tenha percebido isso,você é mais do que um ser humano,para Deus, você é compromisso!